Capítulo Nove – Pra além do surreal ou Eu já tô ficando muito convencido

domingo, 23 março 2003 § Deixe um comentário

Vinha andando pela rua escura noturna soturna, pensando na vida e nos elogios recebidos e em todo mundo que tá me mandando trabalhar. Pensando também no que vai dar este texto.
Já que o Joãozinho há tempos não aparece por aqui e o psicanalista me mandou fazer um texto por livre-associação. Logo eu que nunca dei muito crédito pra velhos tarados? Me disseram que andam me dizendo muita bobeira e que não devo prestar atenção no que me mandam. Obedeci e não segui o seu conselho.
Os dois se transformaram em três quando surgiu mais um monstro de duas cabeças na minha dupla personalidade. Mas isso não tem nada a ver com o resto. De tudo.
Contudo soube que às vezes coisas que parecem sem sentido podem fazer muito sucesso, desde que tenha algumas cenas de sexo e/ou violência e que tudo isso tá na natureza humana, foi o que me disseram.
Isso tudo eu pensava na rua e até que o texto que me surgia na cabeça tava ficando bom, apesar da preguiça crônica e genética que me acompanha desde o nascimento, mas um bigorna veio do céu e me atingiu. E como já não me bastasse esse sofrimento ainda me disseram que preciso arranjar um estilo próprio. Ces’t la vie.

(esse é um texto ficticio, qualquer semelhança com a vida real me avise que eu sempre quis ver uma bigorna cair na cabeça de alguém)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

O que é isso?

Você está lendo no momento Capítulo Nove – Pra além do surreal ou Eu já tô ficando muito convencido no o projeto sem nome.

Meta

%d blogueiros gostam disto: